Etiquetas

13 de dezembro de 2017

GUARDA, LINHARES DA BEIRA


Continuação da nossa viagem pelas 12 Aldeias Históricas de Portugal.
LINHARES DA BEIRA
Após a visita a Celorico da Beira, no dia seguinte fomos à descoberta das maravilhas da Aldeia de Linhares da Beira.
Linhares da Beira, Aldeia Histórica de Portugal
LINHARES DA BEIRA
Aldeia de Linhares, mais conhecida por Linhares da Beira, aldeia histórica do concelho de Celorico da Beira, distrito da Guarda, é um verdadeiro museu ao ar livre.
Castelo de Linhares da Beira
A origem do nome de Linhares, provém do fato de o linho, ter sido no passado uma das culturas mais importantes da região.
Aldeia de Linhares da Beira
Cada recanto da aldeia de Linhares da Beira revela-nos a importância histórica que esta aldeia teve no passado.
Aldeia de Linhares da Beira
Linhares da Beira é uma aldeia medieval do século XII, com uma diversidade arquitetónica e artística ímpar, fruto do legado de várias épocas.
Aldeia de Linhares da Beira
Em 1169, recebeu o seu primeiro foral, atribuído por D. Afonso Henriques. Mas só mais tarde, no reinado de D. Dinis, foi erigido o seu imponente Castelo, ex-líbris da aldeia e principal cartão de visita nos nossos dias.
Castelo de Linhares da Beira
Deambular pelas ruas de Linhares da Beira é fazer uma incursão ao passado, à sua história, e sentir a brisa do Vale do Mondego a acariciar-nos o rosto.
O castelo erguido a 800m de altitude sobre um enorme monte rochoso, permite-nos observar paisagens espetaculares.
Vista panorâmica do Castelo de Linhares da BeiraVista panorâmica do Castelo de Linhares da Beira

Castelo de Linhares da Beira

Castelo de Linhares da Beira
O Castelo de Linhares da Beira de uma construção imponente, apresenta dois recintos fechados no seu interior, envolvidos por muralhas.
Pátio militar com escadas de acesso ao caminho de ronda do Castelo de Linhares da Beira
Torre de Menagem no recintos do interior do Castelo de Linhares da Beira
O recinto de maior dimensão encontra-se junto às cisternas, servindo de apoio à Torre de Menagem.
Pátio militar em formato triangular do Castelo de Linhares da Beira
O Castelo de Linhares ostenta duas torres, a Torre de Menagem e a Torre do Relógio.
Torre de Menagem e Torre do Relógio do Castelo de Linhares da Beira
Torre de Menagem à frente e Torre do Relógio ao fundo do Castelo de Linhares da Beira
Torre do Relógio do Castelo de Linhares da Beira
Podemos observar as quatro portas de entrada do castelo assim como restos das duas antigas cisternas.
Portas do Castelo de Linhares da Beira
Portas do Castelo de Linhares da Beira
Ao longo de todo o perímetro do Castelo de Linhares da Beira temos escadas de acesso ao caminho de ronda o que nos permite admirar toda a panorâmica envolvente da aldeia de Linhares da Beira, com paisagens de cortar a respiração.
Caminho de Ronda do Castelo de Linhares da Beira
Toda a aldeia de Linhares da Beira é simplesmente digna de uma visita, as casas mais modestas construídas em granito fazem contraste com alguns solares que mantém ainda a presença viva de uma nobreza antiga, a hospitalidade dos habitantes da aldeia e a sua gastronomia fazem as delícias de quem visita esta linda aldeia histórica de Portugal. 
Ruas da aldeia de Linhares da Beira
Restaurante Cova da Lapa aldeia de Linhares da Beira
Percorrendo os recantos da aldeia e absorvendo mais pormenores do passado histórico de Linhares.

A Igreja Matriz

Igreja Matriz Nª Srª da Assunção Linhares da Beira
A Igreja Matriz de planta longitudinal de raiz românica dedicada a Santa Maria data do século XII. A Igreja Matriz foi reconstruída por D. João III no século XVII dando-lhe a actual traça de decoração barroca, após a remodelação foi dedicada a Nª Srª da Assunção. 
Igreja Matriz Nª Srª da Assunção Linhares da Beira
Igreja Matriz Nª Srª da Assunção Linhares da Beira
Ao lado da Igreja Matriz destaca-se o Pelourinho quinhentista em granito, de base octogonal de três andares, decorado com esferas, o capitel de cone invertido exibindo uma decoração manuelina, rematado pela esfera armilar e uma cruz.
Pelourinho quinhentista de Linhares da Beira Pelourinho quinhentista de Linhares da Beira

Igreja da Misericórdia

Igreja da Misericórdia de Linhares da Beira
A Igreja da Misericórdia, datada do século XIII, podemos observar vestígios românicos no portal lateral em arco quebrado. É uma igreja de nave única e três altares, no seu interior podemos ainda apreciar pinturas provenientes da escola de Grão Vasco, com principal destaque a "Adoração" e a "Fuga para o Egipto".
Igreja da Misericórdia de Linhares da BeiraIgreja da Misericórdia de Linhares da BeiraIgreja da Misericórdia de Linhares da Beira
Foi um dia bastante gratificante, entre cultura e bonitas paisagens assistimos ainda ao desfilar de motos antigas junto ao castelo.
 Desfilar de motos antigas junto ao Castelo de Linhares da Beira
 Desfilar de motos antigas junto ao Castelo de Linhares da Beira
 Desfilar de motos antigas junto ao Castelo de Linhares da Beira
Assistimos também à prática de parapente e ficamos a saber que Linhares da Beira é conhecida como a Capital do Parapente, por ter sido uma das primeiras localidades em Portugal a receber esta modalidade de desporto.
Linhares da Beira a Capital do Parapente
Linhares da Beira a Capital do Parapente
Linhares da Beira a Capital do Parapente
Neste post fica o registo de Linhares da Beira uma das 12 Aldeias Históricas do distrito da Guarda.
Regressamos a Celorico da Beira ao Hotel Mira Serra que proporcionou a nós e ao nosso "amigo" de quatro patas, uma maravilhosa estadia, forneceu-nos imensas dicas dos pontos turísticos e das imensas aldeias típicas da região.

Hotel Mira Serra

Hotel Mira Serra, Celorico da Beira
No Hotel Mira Serra, convive-se num ambiente familiar, as refeições são típicas da região, as noites são animadas no bar do hotel. 
Hotel Mira Serra, Celorico da Beira
Hotel Mira Serra, Celorico da Beira
Hotel Mira Serra, Celorico da Beira
Apesar de ser um hotel antigo é excelente para uma estadia de descanso e lazer.