Etiquetas

15 de janeiro de 2018

GIRONA, ESPANHA

GIRONA, COMUNIDADE AUTÓNOMA DA CATALUNHA

Girona, Espanha,rio Onyar
Encantos das primeiras férias sem destino definido, assim finalizámos 2017 e iniciámos o ano de 2018. Foram 20 dias inesquecíveis, sol, chuva, neve e frio 😊😊😊😊.......
Natal, Girona, Espanha
Irei partilhar neste e nos próximos posts um pouco dos locais que visitámos, uns já conhecidos mas que sempre gostamos de voltar, belezas diferentes de acordo com as estações do ano e em cada visita existe sempre algo novo para conhecer.
Girona, Espanha
Neste post fica um pouco do panorama de GIRONA.
Girona, Espanha
GIRONA é uma cidade espanhola, situada no extremo nordeste da comunidade autónoma de Catalunha, a poucos quilómetros de Barcelona, cidade mais próxima de França.
Girona, Comunidade autónoma de Catalunha
Girona é uma cidade medieval, de ruas estreitas, muralhas, monumentos, imperam os estilos arquitetónicos gótico, barroco e românico.
Girona, cidade medieval, de ruas estreitas, muralhas, monumentos
Pela manhã saímos do hotel, sempre com a companhia dos nossos inseparáveis amigos de quatro patitas 😉
Até Girona com os amigos de quatro patitas
Hotel Eden Park
Iniciámos o dia passeando pelas pontes do rio Onyar admirando a beleza do colorido das casas e o seu reflexo nas águas do rio.
Pontes do rio Onyar, Girona
Girona, ponte do rio Onyar
Atravessamos uma das pontes que fica junto à Rambla de la Llibertat, linda avenida paralela ao rio Onyar.
Atravessar a Ponte, Basílica de Sant Feliu em frente
Rambla de la Llibertat é um dos principais locais de lazer, aqui encontramos centros comerciais, restaurantes, bares, um excelente local de convívio.
Girona, Rambla de la Llibertat
Girona, Rambla de la Llibertat
Fizemos uma pausa numa das esplanadas e seguimos até à imponente Catedral de Santa Maria, que se encontra no ponto mais alto da cidade de Girona.
Catedral de Santa Maria, Fachada principal, Girona
Na Catedral de Girona podemos observar os diversos estilos arquitetónicos, com nave gótica e fachada Barroca.
Catedral de Santa Maria, Fachada principal, Girona
Exterior da Catedral de Santa Maria, Girona
Exterior da Catedral de Santa Maria, Junto ao Museu de Arte, Girona
Exterior e Interior da Catedral de Girona
Catedral de Girona
Interior da Catedral de Girona
Construída entre os séculos XI e XVIII dentro da Força Vella.
Museu junto à Catedral de Santa Maria, Girona
Acesso à Catedral de Santa Maria, Girona

Após a visita à Catedral fomos passear pelo bairro judeu de Girona, chamado de Call, fica junto à Catedral, passear pelas ruas de Call é perdermo-nos no passado histórico.

Rua bairro judeu de Girona, chamado de Call
Rua bairro judeu de Girona, chamado de Call
Rua bairro judeu de Girona, chamado de Call
Rua bairro judeu de Girona, chamado de Call
Seguimos em direção às muralhas medievais subimos as escadas de Sant Martí.
Escadas de Sant Martí.
Chegamos á Igreja de Sant Martí Sacosta.
Igreja de Sant Martí Sacosta
Na Igreja de Sant Martí Sacosta, observamos uma fachada barroca e neoclássica.
Convento de Sant Domènec
Descemos as escadas de Sant Martí, a meio viramos à esquerda, passamos uma ponte seiscentista e encontramos o Convento San Domènec.
Escadas de Sant Martí, ponte seiscentista
O Convento San Domènec de estilo gótica, com uma única nave, o Convento San Domènec foi reabilitado nos últimos anos para adaptá-lo às funções da Universidade de Girona, que aderiu ao edifício neo-românico da Faculdade de Artes.
Convento San Domènec
Convento San Domènec
Continuando a desfrutar das belezas de Girona, fizemos o passeio da muralha entrando pelos banhos árabes.
Passeio pela muralha, Vista da Universidade
De notar que os Banhos Árabes não são árabes, são o único exemplar no mundo de balneários de estilo românico (final do século XII), ainda que construídos no modelo dos banhos andaluzes. Edifício de estilo românico, construído em 1194, visitámos o vestuário, a sala fria, sala morna, sala quente, a sala do forno e da caldeira.
Banhos árabes vestuários
Banhos árabes vestuários
Edifício Banhos árabes
Banhos árabes Sala Quente
Banhos árabes Sala Fria
Banhos árabes Sala Morna
Faltava-nos conhecer a emblemática universidade então decidimos passar pela universidade.
Universidade de Girona, junto ao edifício banhos árabes
Universidade de Girona, junto ao edifício banhos árabes
Desta forma completámos o passeio ao longo da ronda da muralha, admirando a cidade de Girona numa perspetiva diferente.
Passeio pela ronda da muralha, cidade de Girona
Passeio pela ronda da muralha, cidade de Girona
Mais uma caminhada e chegamos à Basilica de Sant Feliu, uma igreja Gótica com fachada Barroca.
Basilica de Sant Feliu, Girona
Ao lado da entrada principal da igreja está a famosa Leoa de Girona.
Leoa de Girona
A Basilica de Sant Feliu foi a primeira Catedral de Girona e desempenhou essa função até o século X. Mistura elementos românicos, góticos e barrocos.
Basilica de Sant Feliu, Girona
Basilica de Sant Feliu, elementos românicos, góticos e barrocos
Basilica de Sant Feliu, elementos românicos, góticos e barrocos
Basilica de Sant Feliu, elementos românicos, góticos e barrocos
Basilica de Sant Feliu, elementos românicos, góticos e barrocos
Interior da Basilica de Sant Feliu, Girona
Voltámos às margens do Onyar depois de uma passagem pela Rambla de la Llibertat, descobrimos uma passagem pelos edifícios que separam a cidade antiga da cidade nova e que nos leva até às casas do Onyar e à Pont de les Peixateries Velles, ponte pedonal em ferro construída por Eiffel.
Rambla de la Llibertat
Pont de les Peixateries Velles, ponte pedonal em ferro construída por Eiffel
Zona nova da cidade de Girona
Zona antiga da cidade de Girona
Zona nova da cidade de Girona
A Praça da Independência deve-se à Guerra da Independência de Espanha. Foi construída no final do século XIX em estilo neoclássico, nesta praça encontramos largas arcadas preenchidas por restaurantes e cafés.
Praça da Independência
A capela de Sant Nicolau de Girona é uma capela românica, que remonta ao século XII .  Foi construído no cemitério de Sant Pere para poder dar certos serviços paroquiais que estavam a cargo do mosteiro.
Capela de Sant Nicolau de Girona
Na Praça de Sant Feliu encontramos um espaço dedicado às memórias históricas da Catalunha, um pequeno recanto ajardinado, com uns bancos para descansar entre subidas e descidas pelas ruelas da zona histórica de Girona.
Memórias históricas da Catalunha, Espais 1714
Memórias históricas da Catalunha, Espais 1714
Terminamos por hoje o nosso passeio, repleto de história, lindas paisagens num lindo dia de sol para um mês de Dezembro.
Esplanada, Rambla de la Libertat
Girona, rio Onyar
Tanta beleza fizeram as delícias do nosso amigo 😊😊😊 Adeus Girona, até breve!
Adeus Girona
Hora de regressar ao hotel Eden Park.
Hotel Eden Park.
Hotel que nos proporcionou momentos agradáveis, tanto no conforto como na gentileza, todo o staff está de parabéns, conhecem bem a região para recomendar locais a visitar pouco conhecidos.
Hotel Eden Park
Momento de descanso dos nossos amigos e para nós momento de planear o dia seguinte.
Hotel Eden Park